26 de jun de 2009

ilha trocado.



de repente,
não mais que de um repente...
eu sinto,
muito!
faça como quiser,
entenda como lhe convir.
mas eu vou continuar sentindo,
muito.

Um comentário:

Thiago disse...

Me encantam os seus trocadilhos!