2 de dez de 2008

(só) fim.



hoje sinto amargo, tudo aquilo que era doce.
escuto aquela música, já foi nossa?
antes fosse.

já não sinto mais o cheiro,
do teu beijo indiferente.
já não quero mais o teu toque,
teu carinho tão ausênte.

hoje sinto fria,
tua palavra antes quente.

já não sinto mais saudade,
agora vejo, abrí os olhos, conhecí realidade.
grande ego, modelam teu complexo de superioridade.

hoje sinto tempo, que passou tão tarde.
sinto asco, descobri falsa verdade.

hoje te vi passando. virar passado.
hoje, sinto amargo... tudo aquilo que foi doce.

olho no espelho...
vi alguém que já foi tua.
lembro de estória,
falsas verdades,
e dos teus esconderijos.

hoje sinto amargo, tudo aquilo que imaginei doce.
antes fosse.
ah, antes fosse...

Nenhum comentário: